Delações

delacao-ex-mulher

As delações premiadas na Operação Lava Jato estão tão banalizada e com pouca eficácia, que muitos políticos não perdem mais o sono por conta delas, principalmente os do PMDB e PSDB. O calcanhar de Aquiles dos “meninos”, são suas ex-mulheres, amantes, motoristas, irmãos…

Cretinice

Que Mossoró, a Capital do Oeste, é uma cidade libertária, isto é inconteste. Porém, ainda não conseguiu livrar-se da política rasteira, das picuinhas, dos pneus furados. Semana passada a ex-governadora Rosalba Ciarlini, foi vítima de um panfleto apócrifo, ato de extrema covardia, pois tem seu autor escudado pelo anonimato e, ainda põe o alvo em um patamar de mártir; o quê é de uma burrice cavalar, principalmente quando se quer ferir o “inimigo”. Canalhice pura.

Promiscuidade

Hermano que não apoiava Carlos, que não apoiava Mineiro, que apoiava Robinson, que não apoiava Henrique, que quer ser vice de Carlos com apoio de Robinson que não apoiava ninguém. Entenderam? Não?

Não dá para entender mesmo este cenário pintado pelos políticos da taba. Quem era adversário de sangue e fogo, vira “best friend”. Fulano que jurava fidelidade a Beltrano, trai o infeliz com Cicrano. A “moçada” apelida toda essa promiscuidade de “dinâmica” da política. Pois, sim.

Sem Fronteiras

Para os paneleiros e alunos que foram às ruas gritar “Fora Dilma”, o atual Ministro da Educação, o famoso Mendocinha(DEM), foi enfático: “O Ciência Sem Fronteiras é desnecessário, nem na Dinamarca ou Suécia são tão generosos”. Vamos bater panelas.

Livro

Ontem, recebi do amigo Edson Soares, jornalista, cineasta e escritor, o seu Temporada de Sangue. Livro que terá também uma edição na língua madre de Dom Quixote de La Mancha. Avante!

 

 

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *